Direito Penal - Vol. 5 - Ed. 2020

16. Violência Arbitrária (Art. 322)

Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Violência arbitrária

Art. 322 – Praticar violência, no exercício de função ou a pretexto de exercê-la:

Pena – detenção, de 6 (seis) meses a 3 (três) anos, além da pena correspondente à violência.

16.1. Considerações iniciais

O delito de violência arbitrária, previsto no art. 322 do Código Penal, foi revogado pela anterior Lei de Abuso de Autoridade (Lei nº 4.898/1965), a qual estabelecia: “art. 3º. Constitui abuso de autoridade qualquer atentado: [...] i) à incolumidade física do indivíduo; [...]”. Essa a correta compreensão doutrinária amplamente dominante.

A nova Lei de Abuso de Autoridade (Lei nº 13.869, de 5 de setembro de 2019), contudo, não previu figura genérica similar – mas há modalidades especiais, referidas infra –, de forma que, a partir de sua entrada em vigência, a prática de violência contra outrem por parte do funcionário público no exercício de suas funções ou a pretexto de exercê-la, se gerar lesão na vítima, constitui o crime de les…

Uma experiência inovadora de pesquisa jurídica em doutrina, a um clique e em um só lugar.

No Jusbrasil Doutrina você acessa o acervo da Revista dos Tribunais e busca rapidamente o conteúdo que precisa, dentro de cada obra.

  • 3 acessos grátis às seções de obras.
  • Busca por conteúdo dentro das obras.
Ilustração de computador e livro
jusbrasil.com.br
20 de Maio de 2022
Disponível em: https://thomsonreuters.jusbrasil.com.br/doutrina/secao/1153084890/16-violencia-arbitraria-art-322-direito-penal-vol-5-ed-2020