Contrato de Seguro D & O - Ed. 2019

Referências

Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

ABREU, J. M. Coutinho de. Responsabilidade civil dos administradores de sociedades. Coimbra, 2007.

ABREU, J. M. Coutinho de; RAMOS, Maria Elisabete Gomes. Responsabilidade Civil de Administradores e de Sócios Controladores (Notas sobre o art. 379.º do Código do Trabalho). In O contrato de trabalho no contexto da empresa, do Direito Comercial e do Direito das Sociedades Comerciais. Centro de estudos judiciários. Lisboa: Almedina, Janeiro de 2014. p. 114.

ACKERMAN, Joshua Phares. A Common Law Approach to D&O Insurance “In Fact” Exclusion Disputes. In The University of Chicago Law Review. n. 79:1429, 2012. Disponível em: [ www.heinonline.org ].

ADAMEK, Marcelo Vieira von. Responsabilidade civil dos administradores de S/A (e as ações correlatas). São Paulo: Saraiva, 2009.

______. Abuso de minoria em direito societário. São Paulo: Malheiros, 2014.

AGUIAR JÚNIOR, Ruy Rosado de. A desconsideração da pessoa jurídica: de Requião aos nossos dias. In: O moderno direito empresarial do século XXI. Estudos em homenagem ao centenário do professor Rubens Requião. FACHIN, Edson et. al. (Coord.) Rio de Janeiro: GZ Editoria, 2018. p. 321-353.

ALMEIDA, Carlos Ferreira de. Contratos. 2 ed. v. III. Coimbra: Almedina, 2013.

ALMEIDA, J. C. Moitinho de. O contrato de seguro no Direito Português e comparado. Lisboa: Ed. Sá da Costa, 1971.

Alonso Soto, R. El seguro de la culpa. Madrid: Ed. Montecorvo, 1977.

ALVIM, Pedro. O contrato de seguro. 3. ed. Rio de Janeiro: Forense, 2001.

______. O seguro e o novo Código Civil. Rio de Janeiro: Forense, 2007.

AMARO, Anderson de Souza. O seguro de responsabilidade civil dos administradores. In: Revista de direito empresarial. v. 2. mar. 2014, p. 97.

Arquillo Colet, Fernando Gómez Pomar Begoña. Daños dolosos y seguro. InDret 03/2000. Disponível em: [ http://docplayer.es/1851986-Danos-dolososyseguro-fernando-gomez-pomar-begona-arquillo-colet.html ]. Acesso em: 8.9.2018.

Armelin, Donaldo. A prova indiciária da fraude. In II Fórum de Direito do Seguro “José Sollero Filho”. São Paulo: IBDS-EMTS, 2002. p. 373-375.

ASCARELLI, Tullio. O conceito unitário do contrato de seguro. Trad. Ernesto Leme e Aristildes Lobo. Disponível em: [ http://www.revistas.usp.br/rfdusp/article/viewFile/65945/68556 ]. Acesso em: 14.5.2018.

______. Os vícios de constituição das sociedades anônimas e a prescrição. In: Problemas das Sociedades Anônimas e Direito Comparado. p. 379-393.

ATIENZA NAVARRO, María Luiza. El aseguramiento de las sanciones administrativas. In: La reforma del derecho del seguro. Juan Bataller Grau et al. Cizur Menor (Navarra): Aranzadi/Thomson Reuters, 2015, p. 151-178.

AZEVEDO, Antônio Ivanir de. Responsabilidade civil do administrador. RT 653/78-84, p. 80.

AZEVEDO, Antônio Junqueira de. Negócio jurídico. Existência, validade e eficácia. 4. ed. São Paulo: Saraiva, 2002.

______. Negócio jurídico e declaração negocial: noções gerais e formação da declaração negocial. São Paulo: S.C.P., 1986. p. 77-78.

______. Nulidade de cláusula limitativa de responsabilidade em caso de culpa grave. Caso de equiparação entre dolo e culpa grave. Configuração da culpa grave em caso de responsabilidade profissional. In: Novos estudos e pareceres de direito privado. São Paulo: Saraiva, 2009. p. 427-441.

______. Por uma nova categoria de dano na responsabilidade civil: o dano social. In: Novos Estudos e Pareceres do Direito Privado. São Paulo: Saraiva, 2009.

BAILEY, Dan. Large D&O settlements and judgments. p. 1-3. Disponível em: [ http://baileycav.com/site/assets/files/1420/list_of_d_o_settlements_-_dan_bailey.pdf ]. Acesso em: 14.4.2017.

______. The business judgment rule under attack. Disponível em: [ http://dri.org/docs/default-source/dri-online/course-materials/2013/professional-liability/12-the-business-judgment-rule-under-attack.pdf?sfvrsn=4 ]. Acesso em: 12.7.2018.

BAINBRIDGE, Stephen M. The Business Judgment Rule as Abstention Doctrine. 57 Vand. L. Rev. 83. 2004.

BAKER, Tom; GRIFFITH, Sean J. Predicting Corporate Governance Risk: Evidence from the Directors' & Officers' Liability Insurance Market. In The University of Chicago Law Review. nº. 74. 2007. p. 487-544. Disponível em: [ http://ir.lawnet.fordham.edu/faculty_scholarship/52 ]. Acesso em: 28.3.2017.

______. Ensuring Corporate Misconduct: How Liability Insurance Undermines Shareholder Litigation. Chicago: The University of Chicago Press Books, 2010. p. 130-131.

Ballesteros Garrido, J. A. Clausulas Lesivas, limitativas y delimitadoras del riesgo en el contrato de seguro. In Revista de Derecho mercantil. nº. 256. abr-jun 2005, p. 514.

BANDEIRA, Luiz Octávio Villela de Viana. As cláusulas de não indenizar no direito brasileiro. Coimbra: Almedina, 2016. p. 165.

BARACHINI, Francesco. La gestione delegata nella società per azioni. Torino: G. Giappichelli Editore, 2008.

BARBATO, Nicolás H. Culpa grave y dolo en el derecho de seguros. Buenos Aires: Ed. Hammurabi, 1994.

BARBOSA, Fernanda Nunes. O seguro de responsabilidade civil do profissional liberal; desenvolvimento e atualidades. In: MORAES, Maria Celina Bodin de; GUEDES, Gisela Sampaio da Cruz. Responsabilidade Civil de Profissionais Liberais. Rio de Janeiro: Forense, 2016. p. 350.

BARBOSA, Henrique Cunha. Responsabilidade de administradores e controladores: o “caso Sadia” numa incursão “guerreiriana” para além do dever de diligência e da ação social. In Direito empresarial e outros estudos de Direito em homenagem a José Alexandre Tavares Guerreiro. Coord. CASTRO, Rodrigo Rocha Monteiro; WARDE JÚNIOR, Walfrido; GUERREIRO, Carolina Dias Tavares. São Paulo: Quartier Latin, 2013. Também disponível em: [ http://www.barbosabarbosa.com.br/images/direito_empresarial.pdf ]. Acesso em: 27.7.2018. p. 15-16.

BARBOZA, Estefânia Maria de Queiroz. Stare Decisis, Integridade e Segurança Jurídica: Reflexões críticas a partir da aproximação dos sistemas de common law e civil law na sociedade contemporânea. Disponível em: [ http://pct.capes.gov.br/teses/2011/40003019006P4/TES.PDF ]. Acesso em: 10.06.201.

BARRETO, Julio. O conflito de interesses entre a companhia e seus administradores. Rio de Janeiro: Renovar, 2009.

BARRETO FILHO, Oscar. Medidas judiciais da companhia contra os administradores. RDM 40/9-18.

BARROSO, Luís Roberto; MELLO, Patrícia Perrone Campos. Trabalhando com uma nova lógica: a ascensão dos precedentes no direito brasileiro. Brasília: Revista da AGU, 2016. v. 15, n. 3.

BATALLER GRAU, Juan. Hacia una tercera clase de contrato de seguro: los seguros de prestación de servicios. In La reforma del derecho de seguro. Juan Bataller Grau et al. (Dir). Cizur Menor (Navarra): Thomson Reuters, 2015.

BAUMAN, Jeffrey et al. Corporations, Law and Policy. Materials and problems. 5. ed. EUA: Thompson West, 2003.

Baum and byrne. The Job Nobody Wants. Business Week. September 8, 1986. at 56.

BAUMS, T. Regierungskommission Corporate Governance. n. 70, p. 107-108.

BAXTER, C. Demystifying D & O Insurance. In Oxford Journal Legal Studies 15 (1995).

BECK, Ulrich. Sociedade de risco: rumo a uma outra modernidade. Trad. Sebastião Nascimento. São Paulo: Ed. 34, 2011.

BENSAL, Bruno Marques. A business judgment rule no direito brasileiro: da responsabilidade dos administradores na perspectiva do direito comparado e na jurisprudência da CVM. In Revista de Direito Empresarial. v. 7/2015. p. 111-131. Jan – Fev/2015.

BERLE JR., Adolf; MEANS, Gardiner C. A moderna sociedade anônima e a propriedade privada. Trad. Dinah de Abreu Azevedo. 2. ed. São Paulo: Nova Cultural, 1987.

BESSA, Leonardo Roscoe et al. Manual de direito do consumidor. 2. ed. São Paulo: RT, 2009.

BETTI, Emilio. Causa del negozio giuridico. Novissimo Digesto Italiano. 3. ed. Torino: Utet, 1957.

BEVILÁQUA, Clóvis. Direito das obrigações. 9. ed. atual. por Achilles Beviláqua e Isaías Beviláqua. Rio de Janeiro: ed. Paulo de Azevedo, 1957.

______. Código Civil dos Estados Unidos do Brasil comentado por Clovis Bevilaqua. Rio de Janeiro: ed. Rio, 1958.

BHAGAT, BRICKLEY & COLES. Managerial Indemnification and Liability Insurance: the effect on shareholder wealth. In J. of Risk & Insurance. p. 721 et seq.

BIGOT, Jean. Traité de droit des assurances terrestres. v. III. Paris: LGDJ, 2002.

BINGHAM, Tom. The Rule of Law. Londres: Penguin Books, 2010; BUSSANI, Mauro. A Pluralistic Approach to Mixed Jurisdictions. Disponível em: [ http://booksandjournals.brillonline.com/content/journals/22134514 ]. Acesso em: 11.11.2016.

BISCEGLIA, Julie J. Practical aspects of directors' and Officers' liability insurance – allocating and advancing legal fees and the duty to defend. In UCLA Law Review. v. 32: 690. 1985. Disponível em www.heinonline.com, visitado em 8.10.2018.

BISCONTINI, Guido. Onerosità, corrispettività e qualificazione dei contratti. Il problema della donazione mista. Napoli: ESI, 1984.

BISHOP JR., Joseph W. Sitting Ducks and Decoy Ducks: New Trends in the Indemnification of Corporate Directors and Officers. Yale Law Journal, New Haven. v. 77. p. 1078-1103, May 1968. p. 1099.

______. New cure for an old ailment: insurance against directors' and officers' liability. In The business lawyer. November 1966, p. 106.

BLACK, Bernard. The Core Fiduciary Duties of Outside Directors. In Asia Business Law Review, Singapore. July 2001, p. 16-17.

BLACK, B; BARRY, T.J. O’BRIEN; MOOSHIN, Y. Corporate Governance in Korea at the Millenium: Enhancing International Competitiveness (Final Report and Legal Reform Recommendations to the Ministry of Justice of the Republic of Korea. May 15, 2000), Journal of Corporation Law 2001, p. 563.

BLOCK, Dennis J.; BARTON, Nancy E.; RADIN, Stephen A. The business judgment rule: fiduciary duties of corporate directors. 5. ed. New York: Aspen Law and Business, 1998. p. 90.

BLOK, Marcela. Business judgment rule: a responsabilidade dos administradores das sociedades anônimas. In Revista de Direito Bancário e do Mercado de Capitais. v. 46/2009. p. 129-162. Out – Dez/2009.

BONELLI, F. Gli amministratori di società per azioni. Milano: Giuffrè, 1992.

______. La responsabilità degli amministratori. In. G. E. COLOMBO e G. B. PORTALE (diretto da). Trattato delle società per azioni. Torino, 1991. p. 361 et seq.

BORBA, Gustavo Tavares. In Tratado de direito comercial: tipos societários, sociedade limitada e sociedade anônima. COELHO, Fábio Ulhoa (coord). São Paulo: Saraiva, 2015.

BORGES, Nelson. Os contratos de seguro e sua função social. A revisão securitária no novo código civil. In Doutrinas essenciais e contratos. v. 6. p. 793, jun. 2011, p. 4-7.

BRAGA, Francisco de Assis. Bases técnicas da empresa securitária. In Seguros: uma questão atual. São Paulo: Max Limonad, 2001. p. 28.

BRANCA, Giuseppe. Instituciones de Derecho Privado. Traducción de la Sexta edición italiana por Pablo Macedo. Ciudad de México: Ed. Porrúa, 1978.

BREGMAN, Bob and JORDAN, Sean. 20 ways to improve directors and officers liability coverage or practices. In IRMI D&O compass. March 2017. Disponível em: [ https://www.irmi.com/free-newsletters/docompass/ ]. Acesso em: 7.9.2017. p. 17.

BRIGAGÃO, Pedro Henrique Castello. A administração de companhias e a business judgment rule. São Paulo: Quartier Latin, 2017.

BROWN, J. When opportunity knocks: an analysis of the Bridney & Clark and ALI Principles of Corporate Governance Proposals for deciding corporate opportunity claims. J Corp, L. 1986, p. 257.

BRUCK. Das privatversicherungsrecht. Manheim-Berlin, 1930.

Bruck-Moller. Kommentar zum Versicherungsvertragsgesetz. t. II, 8. ed. 1980. p. 575-580.

BRUDNEY. The Independent Director-Hearenly City or Potemlkin Village. 95 Harv. L. Rev. 597, 616-22, 642-59 (1982).

BRUNO, S. Polizze assicurative della responsabilità degli amministratori di società per azioni. Quademi: CERADI, 1990.

BUENO, Cássio Scarpinella. Curso sistematizado de direito processual civil. v. 1. 9. ed. São Paulo: Saraiva, 2018.

BULGARELLI, Waldírio. Manual das sociedades anônimas. 2. ed. São Paulo: Atlas, 1980.

______. Questões de direito societário. São Paulo: RT, 1983.

BUSATO, Paulo César. Dolo e significado. In Dolo e direito penal. Modernas tendências. Paulo César Busato (Coord). 2. ed. São Paulo: Atlas, 2013.

BUTTARO, L. Assicurazione sulla vita. In. Enc. del. dit. v. III. Milano, 1958.

______. L’interesse nell’assicurazione. Milano: Giuffrè, 1954.

CABRAL, Antônio do Passo. Convenções sobre os custos da litigância (II): introdução ao seguro e ao financiamento processuais. In Revista de Processo. Ano 43. v. 277. Março 2018. Coord. Teresa Arruda Alvim. p. 59-60.

CAMPINS VARGAS, Aurora. Seguro de responsabilidad civil de administradores y altos cargos: especial referencia al ámbito de cobertura del seguro. In Revista de derecho mercantil. n. 249/2003. Civitas. p. 3.

CAMPOS, Diogo Leite de. A responsabilidade civil profissional de empresa e seu seguro. In Colóquio Luso-Francês promovido pelas secções portuguesa e francesa. Association Internationale du Droit de L’Assurance. Novembro, 1973. p. 3.

CAMPOS, Luiz Antonio de Sampaio. Deveres e responsabilidades. In LAMY FILHO, Alfredo. PEDREIRA, José Luiz Bulhões. (Org). Direito das companhias. Rio de Janeiro: Forense, 2009. p. 1.101.

CAMPOS FILHO, Paulo Barbosa de. O problema da causa no Código Civil Brasileiro. São Paulo: Max Limonad, 1959.

CANE, Peter. Atiyah’s Accidents, Compensation and the Law. Cambridge: Cambridge University Press, 2004.

CALIXTO, Marcelo Junqueira. A culpa na responsabilidade civil – estrutura e função. Rio de Janeiro: Renovar, 2008.

CALVO. Roberto. Il contrato di assicurazioni. Fattispecie ed effetti. Milano: Giuffrè, 2012.

CALZADA CONDE, María Ángeles. El seguro voluntario de responsabilidad civil. Madrid: Ed. Montecorvo, 1983.

CANO FERRÉ, Pedro. Seguro de protección jurídica. Disponível em: [ http://www.asociacionabogadosrcs.org/ponencias/pon8.pdf ]. Acesso em: 29.1.2018.

CANOTILHO, José Joaquim Gomes. Civilização do direito constitucional ou constitucionalização do direito civil. A eficácia dos direitos fundamentais na ordem jurídico-civil no contexto do direito pós-moderno. In: Direito constitucional. Estudos em homenagem a Paulo Bonavides. Org. Eros Roberto Grau e Willis Santiago Guerra Filho. São Paulo: Malheiros, 2001. p. 113.

CAPILLA RONCERO. Sociedades de profesionales liberales. Cuestiones sobre su admisibilidad. In: MORENO QUESADA, ALBIEZ DOHRMANN y PÉREZ-SERRABONA. El ejercicio en grupo de profesiones liberales. Universidad de Granada, 1993. p. 254.

CAPITANT, Henri Lucien. De la cause des obligations (contrats, engagements unilatéraux, legs). 3. ed. Paris: Dalloz, 1927.

CARA, Marília de. A aplicabilidade do seguro de responsabilidade de administradores e diretores no âmbito da administração das companhias. 2013. 148f. Dissertação de mestrado. (Mestrado em direito comercial) – Faculdade de Direito. Universidade de São Paulo, São Paulo. 2013.

Caraccio, L. William. Void Ab Initio: Application Fraud as Grounds for Avoiding Directors’ and Officers’ Liability Insurance Coverage. 74 California Law Review nº. 929. 1986, p. 951. Disponível em: [ http://scholarship.law.berkeley.edu/californialawreview/vol74/iss3/12 ]. Acesso em: 15.10.2018.

CARLISLE, P. M. New type of insurance to protect Company directors is proposed. In: The New York Times, 9 de abril de 1939, sec. 6, p. 7-8.

CARNELUTTI, Francesco. Teoria Generale del Diritto. 1942.

CARRÁ, Bruno Leonardo Câmara. Responsabilidade civil sem dano: uma análise crítica. Limites epistêmicos a uma responsabilidade civil preventiva ou por simples conduta. São Paulo: Atlas, 2015.

______. A doutrina da tripartição da culpa: uma visão contemporânea. In Revista de Direito Civil Contemporâneo. vol. 13. ano 4. p. 199-229. São Paulo: Ed. RT, out.-dez. 2017.

CARRESI. Osservazioni sulla causa delle assicurazioni. 1960. I. p. 120 e s.

CASTRO, Thamis Dalsenter Viveiros de. Bons costumes no direito civil brasileiro. São Paulo: Almedina, 2017.

CARVAL, Suzanne. La responsabilité civile dans sa fonction de peine privée. Paris: LGDJ, 1995.

CARVALHO, Jorge Morais. A moral como limite à autonomia privada. In Revista de direito civil contemporâneo. vol. 8. ano 3. p. 303-326. São Paulo: Ed. RT, jul-set. 2016.

CARVALHO DE MENDONÇA, J. X. Tratado de direito comercial brasileiro. 5. ed. Rio de Janeiro: Freitas Bastos, 1954. v. 4. n. 1.217.

CARVALHO SANTOS, J. M. De. Código civil brasileiro interpretado. v. XV. 6. ed. Rio de Janeiro: Freitas Bastos, 1954.

CARVALHOSA, Modesto. Comentários à lei de sociedades anônimas: Lei nº. 6.404, de 15 de dezembro de 1976. São Paulo: Saraiva, 1998.

______. Responsabilidade civil de administradores e de acionistas controladores perante a Lei das S/A. In RT 699/36.

CARVALHOSA, Modesto; KUYVEN, Luiz F. Martins. Sociedades Anônimas. Tratado de Direito Empresarial. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2016. v. 3.

CASES, José Maria Trepat. Código Civil comentado. v. VIII, São Paulo: Atlas, 2003. p. 103.

CASTRO, Diana Loureiro de Paiva. Potencialidades funcionais das cláusulas de não indenizar: releitura dos requisitos tradicionais de validade. 2018. 273 f. Dissertação (Mestrado em Direito Civil) – Faculdade de Direito, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2018.

CAVALCANTI, Bruno Novaes Bezerra. O contrato de seguro e os seus elementos essenciais. In Revista do Instituto de Pesquisas e Estudos. Bauru, v. 40, n. 45, p. 233-256, jan./jun. 2006. p. 235.

CAVALIERI FILHO, Sergio. Programa de responsabilidade civil. 10. ed. Atlas: São Paulo, 2012.

______. A trilogia do seguro. In: Anais do I Fórum de Direito do Seguro “José Sollero Filho”. São Paulo: IBDS, 2001. p. 85-97.

CERVEAU, Bernard. Protection juridique: livre choix de l’avocat. Gaz. Pal, 27-28 sept 2000, p. 4. Viv. 1, 15 juill. 1999, D. 2000.

CHAPUISAT, Françoise. Le droit des assurances. Paris: Presses Universitaires de France, 1995.

Chironi. Tratatto di diritto civile italiano. T. 1. Turín, 1904.

CLARKSON, Max. B. E. The corporation and its stakeholders: Classic and contemporary readings. Toronto: University of Toronto Press, 1998.

COELHO, Fábio Ulhoa. Curso de direito comercial. São Paulo: Saraiva, 2002. v. 2.

______. Lineamentos da teoria da desconsideração da pessoa jurídica. In Revista do advogado. São Paulo. nº. 36, p. 38-44. Mar. 1992, p. 40.

COHEN, George M. Legal Malpractice Insurance and Loss Prevention: A Comparative Analysis. 4 Conn Ins L J 305, 343-44. 1998, p. 491.

COLOMBO, Angelo. Contrato de seguros: limites técnicos de negociação entre seguradora e segurado. In SCHALCH, Débora (org.). Seguros e resseguros: aspectos técnicos, jurídicos e econômicos. São Paulo: Saraiva, 2010. p. 29.

COMPARATO, Fábio Konder. Obrigações de meios, de resultado e de garantia. In Ensaios e pareceres de direito empresarial. Rio de Janeiro: Forense, 1978. p. 537.

______. O seguro de crédito. São Paulo: RT, 1968.

______. “Insider Trading”: sugestões para uma moralização do nosso mercado de capitais. In Ensaios e pareceres de direito empresarial. Rio de Janeiro: Forense, 1978, p. 13-14.

______. Essai d’analyse dualiste de l’obligation em droit privè. Paris: Dalloz, 1964, p. 197.

COMPARATO, Fábio Konder. SALOMÃO FILHO, Calixto. O poder de controle na sociedade anônima. 4. ed. Rio de Janeiro: Forense, 2005. p. 356.

CORDEIRO, Amanda Guimarães; SOUZA, Larissa de Lima Vargas. Danos morais contratuais e o problema da cláusula penal . In: Problemas de responsabilidade civil. Coord. Monteiro Filho, Carlos Edison do Rêgo. Rio de Janeiro: ed. Revan, 2016.

CORDEIRO, António Menezes. Direito dos seguros. Lisboa: Almedina, 2013.

______. Da boa fé no direito civil. 2. ed. Lisboa: Almedina, 2017.

______. Manual de direito das sociedades. Das sociedades em especial. 2. ed. v. 1. n. 289. Coimbra: Almedina, 2007.

______. Da Responsabilidade Civil dos Administradores de Sociedades. Lisboa: Lex, 1997. p. 494.

CORE, John E. The Directors’ and Officers’ insurance premium: an outside assessment of the quality of corporate governance. Publicado em 28.5.2000, disponível em: [ http://ssrn.com/abstract=-229803 ]. Acesso em: 3.10.2018.

CORRÊA-LIMA, Osmar...

Uma experiência inovadora de pesquisa jurídica em doutrina, a um clique e em um só lugar.

No Jusbrasil Doutrina você acessa o acervo da Revista dos Tribunais e busca rapidamente o conteúdo que precisa, dentro de cada obra.

  • 3 acessos grátis às seções de obras.
  • Busca por conteúdo dentro das obras.
Ilustração de computador e livro
jusbrasil.com.br
3 de Dezembro de 2021
Disponível em: https://thomsonreuters.jusbrasil.com.br/doutrina/secao/1197013147/referencias-contrato-de-seguro-d-o-ed-2019